Sábado tem encontro de chefs e degustação de gins no Festival Saberes e Sabores

O Festival Saberes e Sabores de Araxá apresenta neste sábado (14) um encontro histórico. As chefs Rosilene Campolina (Portal Chef a Chef e UMA) e Márcia Nunes (Restaurante Dona Lucinha -BH) vão ministrar uma oficina juntas na cozinha show da Fonte Andrade Júnior. “Nossa intenção é trazer estímulo, comunicação, novidade, ventilar as experiências emocionais, culturais e gastronômicas. Será riquíssimo”, diz a chef Márcia.

Na oportunidade os alunos poderão aprender a fazer dois pratos. Inspirado no Ano da Mineiridade, a chef Rosilene Campolina batizou o prato principal de “Mineiridade em Trilogia de Sabores”. Trata-se, segundo ela, da união das três etnias e matrizes que formaram a cozinha mineira e que serão representadas em ingredientes icônicos como a mandioca, o porco, a goiabada, o queijo e a cachaça. “Tudo isso em perfeita harmonia e contrastes com as cores e conceitos das Gerais”, diz chef Rosilene.

A sobremesa é um Zezé Leone, um delicado doce da antiga tradição da doceria mineira. “Seu nome de origem perdeu-se no tempo, porém seu apelido lhe oferece ainda mais graça. Conta-se que a primeira Miss Brasil levava este nome e era dona de uma tez muito rosada. Daí a homenagem. O doce se tornou conhecido no Serro, terra natal de Dona Lucinha. Ela, por sua vez, o eternizou em seu livro História da Arte da Cozinha Mineira”, ressalta Márcia.

A oficina começa ao meio dia. Para participar o interessado deve chegar ao local com, pelo menos, meia hora de antecedência para fazer a inscrição, que custa R$30. As vagas são limitadas.

Degustação de Gin

Chegou o grande dia. Neste sábado (9) a partir das 15h a The Gin Flavors, maior hub de gin do Brasil com uma plataforma que envolve loja, blog, eventos e um clube de assinatura; oferece uma degustação de gins que promete aos participantes uma experiência única. É que a empresa que prepara o cardápio de gins do Jubileu da Rainha Elizabeth II, que acontece em junho, adianta para o seleto público participante o que os convidados da comemoração poderão experimentar. “Araxá vai poder conhecer de perto os nossos drinques, criados exclusivamente para o evento”, diz Erico Angelis, sócio da The Gin Flavors. 

 

Um sábado movimentado

A agenda para quem for curtir o sábado (9) no festival Saberes e Sabores inclui ainda concursos e música de qualidade.

Sábado (14)

9h - Concurso Melhor Pão de Queijo de Araxá - Fonte Andrade Júnior

9h30 - Esquete - Incidente na Cozinha - Deu na Telha Coletivo Teatral     

12h - Oficina Gastronômica - Chef Rosilene Campolina - Portal Chef a Chef e UMA e Chef Márcia Nunes - Restaurante Dona Lucinha (BH) - Fonte Andrade Júnior

13h - Oficina cultural gastronômica - A influência dos índios e negros quilombolas na formação da gastronomia de Araxá | Armando de Angelis - Espaço Entre Árvores 2

14h - Semifinal do Concurso Grande Chefinho - Fundação Rio Branco - Fonte Andrade Júnior

15h - Oficina cultural gastronômica - A influência do Grande Hotel de Araxá na formação e releitura da gastronomia de Araxá e de sua consolidação nos seus anos dourados | Armando de Angelis - Espaço Entre Árvores 1

15h - Degustação Gin - Fonte Andrade Júnior

16h30 - Old Friends - Alexandre de Angelis, Germano Soraggi, Diego França e Flávio Andrade - Palco Saberes e Sabores

18h30 - Breno Mendonça toca Jobim e Guetz - Palco Saberes e Sabores

20h - Pedro Ferreira - Palco Saberes e Sabores

21h30 - Eduardo Machado Quarteto - Rock Instrumental

 

Domingo

9h - Final Concurso Grande Chefinho - Fundação Rio Branco - Fonte Andrade Júnior

9h30 - Esquete - Incidente na Cozinha - Deu na Telha Coletivo Teatral     

10h - Escola de Música Nota Certa - Palco Saberes e Sabores

13h -  Oficina cultural gastronômica - A influência dos bandeirantes e tropeiros na formação da gastronomia de Araxá | Armando de Angelis - Espaço Entre Árvores 2

13h - Trio Rivas - Palco Saberes e Sabores

14h - Chorando na Praça - Palco Saberes e Sabores

14h  - Oficina Gastronômica - Doce de Ambrosia |  Marisa Rufino - Fonte Andrade Júnior

15h - Oficina cultural gastronômica - A influência do Grande Hotel de Araxá na formação e releitura da gastronomia de Araxá e de sua consolidação nos seus anos dourados | Armando de Angelis - Espaço Entre Árvores 1

15h – Jam Session da Beja -  Tiago Martins Quarteto + BêJazz + Manga Rosa e convidados - Palco Saberes e Sabores

 

Sucesso

Milhares de pessoas passaram pelo Festival Saberes e Sabores de Araxá nesta sexta (13). A noite teve início com a abertura oficial do evento. O ato contou com a presença de autoridades locais e também do Secretário de Estado de Cultura, Leônidas Oliveira. Em seu discurso, Leônidas fez questão de ressaltar a importância do evento no contexto estadual e nacional e o quanto a valorização da gastronomia mineira é essencial para a construção de nossa identidade. “A cozinha mineira, Saberes e Sabores, tão profundamente arraigada em Araxá, que tradicionalmente põe a mesa, ensina Minas Gerais a fazer com elegância, com estilo uma comida privilegiada. Um festival neste lugar paradisíaco é fundamental para o desenvolvimento de outra área importantíssima para nosso Estado, que é o turismo”, afirmou em seu discurso.

Para a presidente da Fundação Cultural Acia (Facia), Elisa Baião Macêdo, a cidade vive um momento único ao integrar festivais e ao oferecer ao público uma imersão nas mais diversas formas de cultura. “Nossa integração com o Fliaraxá este ano foi um desafio que rendeu muitos frutos e o público dos dois festivais reconhece este momento vivendo conosco essa experiência. Agradecemos todos os envolvidos neste processo que culminou neste sucesso”, disse.

Após a abertura oficial, as atividades da sexta-feira incluíram uma concorrida oficina com o chef Penninha. “Na receita `Santíssima Trindade com boizinho do alto`, quis fazer algumas homenagens às minhas raízes gastronômicas. O Trindade da receita faz uma primeira alusão a minha `mãe preta´ e aos três principais elementos desta receita que preparei com muito amor: banana, canjiquinha e serralha. Alimentos sempre presentes na minha infância, onde fui criado, no Barreiro, aqui em Araxá”, diz.

Pelo palco Saberes e Sabores passaram Douglas Oliveira & The Red Dogs e Afro Beatles. O último com uma participação especial do convidado Chico Oliveira, que integrou o sexteto do Jô por 19 anos. “Música, comida e mineiridade nunca estiveram tão bem representadas. Foi fantástico estar em Araxá”, diz Chico.

Sobre o Festival

O Festival Saberes e Sabores ganhou o formato atual, que tem como foco a promoção dos valores locais e regionais, a partir de 2016. O evento foi inspirado na obra de seu idealizador. No livro de mesmo nome, o autor Armando de Angelis, narra períodos da história de Araxá e da sua gastronomia. Armando traz para o festival, além da inspiração, seu renome e a experiência na realização de grandes eventos gastronômicos. Já passaram pelo festival os chefes franceses Claude Troisgros e Érick Jacquin e atrações musicais como Derico & Sindicato do Jazz, Swiss College Dixie Band e Pepeu Gomes.

O Festival Saberes e Sabores de Araxá é promovido pela Fundação Cultural Acia (Facia) e tem o patrocínio máster da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), através da Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo.  Patrocínio: Mart Minas, Rio Branco Combustíveis e Zema. Apoio: Prefeitura Municipal de Araxá, Fundação Rio Branco, Click Telecom e Associação Comercial, Industrial, de Turismo, Serviços e Agronegócios de Araxá – ACIA.

 

Serviço

Festival Saberes e Sabores

Data: 11 a 15 de maio

Local: Grande Hotel

Informações:

@saberesesaboresdearaxa

saberesesaboresdearaxa.com.br